Quinta-feira, 15 de Janeiro de 2004

...era assim...

…não usava relógio mas sabia a hora das refeições
…falava comigo e entendia-me desde que eu falasse com ele
…não tinha preconceitos e dormia partilhando a cama com outro
…almoçava e jantava em conjunto com o seu companheiro
…adorava o sol e escondia-se da chuva
…não tinha medo de nada nem de ninguém
…não usava óculos apesar de ver mal
…não usava bengala apesar de coxear um pouco
…era muito asseado e conquistador
…também gostava dos meus pardais
…deitava-se junto às minhas rosas nas tardes de sol
…seu nome quico confundia-se com o meu
…já não almoça nem janta com o meu cão
…já não dorme com o seu inseparável amigo
…já não fala comigo
…já não “namora” os meus pardais
…já não se deita sob a luz do meu sol
…já não passeia no meu quintal
…o meu gato morreu

kiko.JPG
publicado por quim às 21:55

link do post | comentar | favorito
|
18 comentários:
De angobo a 14 de Fevereiro de 2004 às 17:52
Como eu entendo... depois de 14 anos de companhia obcessiva, tive de tomar uma decisão que pensava mais fácil. Foi com lágrimas nos olhos e um nó na garganta do tamhano do mundo que tive de decidir o seu destino. Passado um mês, continua a ser muito duro pensar, sequer, no assunto.
De sentimental a 17 de Janeiro de 2004 às 12:05
Lamento, também tive e tenho muitos animais de estimação e sempre que morrem fico muito triste... Um beijinho amigo
De quim a 17 de Janeiro de 2004 às 11:01
...to DoceDália: brigado pelas palavras. Hoje o sol veio ter comigo e animou-me um pouco mais. bj
De Dalia a 17 de Janeiro de 2004 às 03:02
Imagino a tristeza que sentes. Tenho 2 cães que amo muito, são 'pessoas' da família e muito estimados por todos da casa. Os animais são muito fiéis e amáveis aos donos. Espero que a sua dor passe logo, mas as lembranças do seu gatinho persistirão... beijinhos.
De quim a 16 de Janeiro de 2004 às 21:40
...to Cinda: obrigado pelas tuas palavras e pelo teu beijo...
De Cin50 a 16 de Janeiro de 2004 às 21:07
Só confirmas o que nós, teus leitores, já sabíamos. Obrigada por seres assim. Um beijinho emocionado.
De quim a 16 de Janeiro de 2004 às 21:07
...to Nanda: é, o Black tá triste tb... eles de certeza que sentem algo de errado... jinhos
De quim a 16 de Janeiro de 2004 às 21:05
...to betania: é interessante perceber que o Black sente qualquer coisa; nós não sabemos o que ele "sente" mas que algo se passa com o animal, lá isso passa... falta-lhe o corpo quente do gato quanto dormiam juntos enroscados um no outro... beijo Iza
De grilinha a 16 de Janeiro de 2004 às 20:31
Oh Quim ... fiquei tão triste ao ler o teu post. Coitadinho do Quico e o cão tb vai sentir a falta dele. bj
De betania a 16 de Janeiro de 2004 às 20:27
Sei que a partida do teu quico te deixa um vazio
e muita saudade...É sempre assim quando há simbiose entre dois seres, que embora não falem a
mesma lingua, se entendem, se estimam, se tornam
cumplices e companheiros...A separação é sempre muito dolorosa para quem se quer bem.
Tens que confortar o amigo Black que também deve
estar a sofrer do seu jeito, a falta do amigo.
Estou contigo e com o Black!Força amigos!
Beijo.betania

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. ...fim

. Apetites

. ...primeiro aniversário.....

. ...mudei para aqui:

. ...dá prazer ouvir...

. ...amar como o vento...

. ...upgrades...

. ...morreu...

. ...nave...

. ...adeus Fialho...

.arquivos

. Novembro 2006

. Junho 2006

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

. Dezembro 2003

. Novembro 2003

blogs SAPO

.subscrever feeds